quarta-feira, janeiro 21, 2009

Newsletter n.º 15 - Janeiro de 2009

Já está disponível a newsletter de Janeiro de 2009 do canil municipal.
O tema deste mês é: "Treinar um cão rafeiro".
Podem descarregá-la aqui.

segunda-feira, janeiro 19, 2009

Festa das fogaceiras

Em virtude de amanhã, dia 20 de Janeiro de 2009, ser feriado municipal em Santa Maria da Feira, não haverá lugar ao atendimento ao público no canil municipal.
O mesmo será retomado novamente na quinta-feira, dia 22 de Janeiro de 2009, no horário habitual, 9.00h - 12.00h.

quinta-feira, janeiro 15, 2009

Plano Nacional de Controlo de Cães

O Governo vai avançar com o Plano Nacional de Controlo de Cães, publicando-o em Diário da República «durante o primeiro semestre de 2009», disse ao Diário de Notícias fonte do Ministério da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas.
O objectivo deste plano é o de fiscalizar as condições de detenção, criação, venda e circulação dos cães de raça potencialmente perigosa.
Nesta iniciativa legislativa ficará enquadrada igualmente a actuação das entidades no terreno. A ASAE (Autoridade de Segurança Alimentar e Económica),
GNR, PSP e as polícias municipais vão trabalhar de forma complementar. Na sua mira estarão animais como os pit bull, rottweiler, cão de fila brasileiro, dogue argentino, staffordshire terrier americano, staffordshire bull terrier e tosa inu.
De referir que a reprodução e a criação de animais pertencentes a estas raças foram restringidas por um despacho ministerial.

Fonte: Veterinária Actual

Semana da Leishmaniose


O que é a “Semana da Leishmaniose”?

A Semana da Leishmaniose surge como resposta ao grande objectivo do ONLeish: a criação de uma rede de vigilância epidemiológica da Leishmaniose em Portugal.

De 19 a 24 de Janeiro de 2009, poderá fazer o RASTREIO GRATUITO DA LEISHMANIOSE CANINA ao seu cão. Vamos rastrear cerca de 3000 cães em todo o terrritório continental. Para tal, contamos com a colaboração de mais de 130 Centros de Atendimento Médico-Veterinário; cada um irá recolher algumas dezenas de amostras.

Pretende-se que a “A Semana da Leishmaniose” tenha projecção Nacional para:

  • Alertar e sensibilizar os proprietários dos cães para a doença
  • Mobilizar os proprietários dos cães para os CAMV envolvidos no evento de forma a mais facilmente se obter o número de amostras desejadas.


Esta iniciativa é pioneira em Portugal e na Europa e permitirá pela primeira vez fazer um levantamento epidemiológico global da Leishmaniose Canina.

Qual a importância de um rastreio ao nível nacional? E ao nível da sua região?

Este tipo de rastreio é muito importante pois permitirá simultaneamente a avaliação da seroprevalência em Portugal continental, o conhecimento da situação actual da infecção (o que estabelecerá uma base de comparação para futuros estudos), permitindo a sensibilização das populações para esta doença e mais especificamente para a necessidade de prevenir e de diagnosticar precocemente a Leishmaniose.

Localmente, esta iniciativa adquire relevância ainda mais significativa, pois permite criar e/ou adequar medidas de prevenção e educação à realidade de cada população.

Quais são os Centros de Atendimento Médico Veterinário onde pode fazer o rastreio ao seu cão?

Como referido acima, estão envolvidos neste rastreio mais de 130 Centros de Atendimento Médico-Veterinário situados em mais de 60 cidades e vilas.

Para ter acesso à lista completa de CAMV envolvidos basta clicar aqui.


Como é feito o rastreio ao meu cão?

O(a) Médico(a)-Veterinário(a) do Centro de Atendimento Médico-Veterinário irá colher um pouco de sangue ao seu animal e colocá-lo num pedaço de papel de filtro.

Como poderei saber o resultado do exame?

O resultado do exame ser-lhe-á comunicado pelo(a) Médico(a)-Veterinário(a) do Centro de Atendimento Médico-Veterinário onde realizou o rastreio. Pelo facto de se tratar de um número elevado de análises, o prazo máximo de comunicação dos resultados poderá atingir os 3 meses.

Fonte: http://www.onleish.org

terça-feira, janeiro 06, 2009

Animais desaparecidos (Ja foram encontrados! Um Final Feliz!)






O canil municipal ajuda na divulgação:

"Dia 5 de Janeiro por volta do meio dia, os meus dois cães fugiram de casa sem que nos apercebêssemos. Andamos pela feira a procura e nenhum sinal deles. Alguma informação agradecia que me contactassem. Em anexo envio fotos. A fêmea (Susy) é pequena, preta e de pelo curto e o macho (Tyson) é pequeno, castanho e de pelo comprido. Obrigada.
Ana Brandão."


ana.brandao85@hotmail.com

sexta-feira, janeiro 02, 2009

Raiva humana Angola - Treze pessoas morrem vítimas de raiva

Aqui vai + um ALERTA para aqueles que acreditam ....em milagres.


Treze pessoas morrem vítimas de raiva na província

Ondjiva - Treze pessoas de diferentes localidades da província do Cunene
morreram vítimas de raiva durante o período que vai de Janeiro a primeira
quinzena do mês em curso, causada por mordeduras de cães raivosos, soube
hoje, quarta-feira, à Angop de fonte do sector.

Segundo o chefe do departamento dos Serviço Veterinário no Cunene, João
Kamalanga , durante o período em referencia registaram 282 casos de
mordeduras de animais raivosos que resultaram em 13 óbitos.

Entretanto, afirmou que a situação é crítica e preocupante, dai a
necessidade do redobro dos esforços, no sentido de sensibilizar a população
local na procura dos órgãos de apoio do departamento provincial dos serviços
veterinários a nível das comunas e municípios para vacinar os seus animais
de estimação entre cães, gatos e macacos.

João Kamalanga garantiu que os serviços veterinários estão abertos a
população no esclarecimento de qualquer dúvida por parte dos citadinos, bem
como na vacinação imediata dos animais.

Os citadinos devem vacinar os seus animais, e não deixar para segundo plano,
no tocante os cuidados a ter com estes canídeos e felinos (cão e gato)
porque furtando-se desta acção pode assim por vezes perigar a vida dos seus
próprios familiares visto que estes animais coabitam com o homem.

O médico veterinário disse que períodos em referência foram vacinados contra
raiva 20 mil e 844 animais, entre canídeos, felinos e macacos, nos
municípios do Kwanhama, Namacunde, Curoca, Cuvelai, Kahama e Ombadja.

[veja:
Raiva humana - Angola (Cunene) 20080207.0502]
------------------------------------------------
ProMED-Port
[ProMED-PORT 2008, ano 11]
[Visite nosso site, com versao em portugues e mecanismo de busca, tambem em
portugues:
http://www.promedmail.org [clique na bandeira portuguesa] - ljs]
[Visite o site de LISAS, a Lista de Adversidades em Saude, com foco no
Brasil, em portugues e com mecanismo de busca: <http://www.lisas.org.br>]